REVISTA TAE - Cagepa realiza melhorias para ampliar oferta d’água em Tibiri e Marcos Moura

Esta notícia já foi visualizada 202 vezes.

Cagepa realiza melhorias para ampliar oferta d’água em Tibiri e Marcos Moura

Data:12/01/2018- Fonte:www.cagepa.pb.gov.br

O engenheiro José Mota Victor, diretor de Operação e Manutenção da Cagepa, vistoriou, nesta quarta-feira (10), as obras de melhoria que estão sendo executadas na estação elevatória que abastece o bairro de Tibiri e o conjunto Marcos Moura, na cidade de Santa Rita. Os serviços, de acordo com ele, visam ampliar a oferta de água na região e, consequentemente, acabar com as intermitências (interrupções temporárias) no abastecimento das duas localidades.

“Nossas equipes estão trabalhando em tempo integral, visando concluir os serviços nos próximos dias. As melhorias que estamos fazendo na estação elevatória vão permitir um aumento significativo na vazão de água distribuída nesta região de Tibiri que, nos últimos anos, teve um crescimento populacional bastante significativo”, disse o engenheiro.

José Mota acrescentou, ainda, que técnicos da Diretoria Comercial da Cagepa estão concluindo um projeto para deixar todas as unidades habitacionais e comerciais de Tibiri e Marcos Moura com 100% de hidrômetros instalados. “Como essa região cresceu muito, a área comercial da Cagepa detectou a necessidade de promover um maior investimento em hidrometração. Essa é uma ação que acaba contribuindo muito para evitar o desperdício de água e ajuda a manter o sistema de distribuição funcionando para atender a demanda a contento”, observou.

O diretor da Cagepa também anunciou que a Companhia irá proceder o cadastramento de todas as residências localizadas no bairro Novo Planalto (bairro do 13) e a fiscalização em aproximadamente 3 mil ligações que constam como desligadas. “Essas ações certamente contribuirão também para acabar com as intermitências na região de Tibiri e Marcos Moura, já que é bem possível estar havendo o desvio irregular de água em alguns trechos da tubulação”, pontuou José Mota, acrescentando que o desperdício é um dos fatores que contribuem para o aumento das intermitências no abastecimento d’água da região.

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade