REVISTA TAE - Investimentos garantem obras de esgoto em Iguatemi e Floriano

Esta notícia já foi visualizada 194 vezes.

Investimentos garantem obras de esgoto em Iguatemi e Floriano

Data:16/04/2018- Fonte:Sanepar

Distritos de Maringá vão receber R$ 33 milhões para implantação e ampliação dos serviços de esgotamento sanitário

Iguatemi e Floriano, distritos de Maringá, vão contar com os serviços de coleta e tratamento de esgoto. Os recursos foram garantidos pela governadora, Cida Borghetti, e pelo presidente interino da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), Luciano Machado, durante solenidades para assinatura de contratos com a Caixa Econômica Federal, no valor de R$ 33 milhões. Os eventos foram realizados nos distritos e contaram com as presenças do prefeito, Ulisses Maia, e de autoridades municipais, estaduais e federais.

Cida Borghetti disse que o Paraná, por meio da Sanepar, tem se destacado na área do saneamento. Segundo a governadora, “Maringá é um grande exemplo disso. A cidade conta hoje com mais de 98% de atendimento com esgotamento sanitário e agora, com estes novos investimentos, estamos garantindo este importante benefício para os distritos”.

O presidente da Sanepar, Luciano Machado, ressaltou que a aplicação destes recursos irá proporcionar um grande avanço para a saúde da população. “Saneamento é qualidade de vida, é uma política pública muito importante porque trata da vida das pessoas e ajuda a prevenir muitas doenças, além de impactar, diretamente, na preservação ambiental”.

Para o prefeito Ulisses Maia a implantação da rede coletara de esgoto vai contribuir para o crescimento dos distritos. “Os serviços de esgotamento sanitário vão ajudar no crescimento vertical, com a construção de prédios, vão atrair mais indústrias e contribuir para eliminação das fossas. Era uma grande reivindicação que agora está sendo atendida pela Sanepar e pelo Governo do Estado”, comemorou.

INVESTIMENTOS– A empresa deve investir R$ 25 milhões em Iguatemi para construção de uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), de uma Estação Elevatória de Esgoto, implantação de 23 km de rede coletora, 1068 metros de linha de recalque, 6,5 km de interceptores e 391 metros de emissário. Serão atendidos 920 imóveis, beneficiando mais de 3 mil pessoas. As obras devem levar os serviços de coleta e tratamento de esgoto para 75% dos moradores.

No distrito de Floriano o investimento será de R$ 8 milhões. A localidade também deverá receber uma nova Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), implantação de 3,6 km interceptores, 1,5 km de emissário e 20 km de rede coletora. Serão atendidos cerca de 800 imóveis e beneficiadas, aproximadamente, 2600 pessoas.

Hoje somente o conjunto habitacional Pioneiro José Pires de Oliveira é atendido com os serviços de esgotamento sanitário. O índice de atendimento em Floriano é de 33,78%. Com a conclusão das obras deve chegar a 60%.

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade