REVISTA TAE - Sabesp assina contrato com Aguaí e Terra Roxa e Convênio de Cooperação com Assis

Esta notícia já foi visualizada 260 vezes.

Sabesp assina contrato com Aguaí e Terra Roxa e Convênio de Cooperação com Assis

Data:06/12/2018- Fonte:Sabesp

O governo do Estado de São Paulo e a Sabesp assinaram Contrato de Programa para Prestação de Serviços de Saneamento Básico com os municípios de Terra Roxa e Aguaí – esta última já havia assinado o Convênio de Cooperação em julho passado. Também será formalizada a assinatura do Convênio de Cooperação com o município de Assis, para que, em breve, a cidade possa renovar o contrato de prestação de serviços com a Sabesp. A Companhia investirá nos três municípios cerca de R$ 140 milhões, nos próximos 30 anos.

Assis - O investimento previsto para os próximos 30 anos em Assis é de cerca de R$ 60 milhões, sendo R$ 35,4 milhões voltados para água: ampliação da capacidade de produção e reservação, melhoria do tratamento, expansão da rede de distribuição, redução de perdas e renovação de ativos. Para esgotos, os investimentos serão da ordem de R$ 19,6 milhões, também para expansão de rede, melhorias operacionais nas estações de tratamento de esgoto Jacú e Fortuninha, além da renovação de ativos. O restante da verba vai para aplicação em bens de uso geral. Assis - com 99.296 habitantes tem operação da Sabesp desde 1980 -  possui o saneamento básico universalizado, ou seja, 99% de cobertura de água; 98,9% de redes de esgotos, com 100% de tratamento.

Terra Roxa – O município também é universalizado, com 99% de cobertura de água e rede de esgotos, com 100% de tratamento. A renovação do contrato com a Sabesp permitirá a ampliação do Programa de Investimentos no município, com investimentos de R$ 10,7 milhões, beneficiando mais de 9 mil habitantes. Além de acompanhar a expansão das redes nos próximos anos, o valor também será utilizado para a redução de perda de água no sistema de abastecimento.

Aguaí – Com a assinatura, Aguaí passa a ser atendida pela Sabesp, que investirá quase R$ 70 milhões em saneamento básico na cidade, nos próximos 30 anos. O maior desafio do município é, além de melhorias na produção e adequações na distribuição de água, o aumento do tratamento de esgotos. Atualmente, 99% de Aguaí são atendidos por água; 98,9% por rede de esgotos, sendo 50% enviados para tratamento. 

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade