REVISTA TAE - Resolução sobre lançamento de efluentes encontra entraves mas precisa ser cumprida
Edição Nº 29 - fevereiro/março de 2016 - Ano V
Esta notícia já foi visualizada 5279 vezes.


Resolução sobre lançamento de efluentes encontra entraves mas precisa ser cumprida



por Dayane Cristina da Cunha Fernandes

Recentemente, o Brasil presenciou um dos maiores desastres ambientais da história. No dia 5 de novembro, o rompimento da barragem de rejeitos da mineradora Samarco, cujos donos são a Vale e a anglo-australiana BHP, causou uma enxurrada de lama que destruiu o distrito de Bento Rodrigues, em Mariana, na região central de Minas Gerais e avançou pelo litoral do Espírito Santo e Bahia.
Os problemas na mineradora não nasceram da noite para o dia. Segundo reportagem feita pelo jornal O Estado de São Paulo, a mineradora já havia recebido ao menos seis multas sobre as condições pelas quais operava na barragem, em Mariana, sendo a primeira delas, o lançamento de efluentes em rios da região.< ...



CONTEÚDO RESTRITO A ASSINANTES


Para continuar a ler o texto na íntegra
é necessário ser assinante do portal


Já sou cadastrado


Assine o portal TAE

Tenha acesso exclusivo a todo conteúdo do site gratuitamente

Publicidade