REVISTA TAE - Governo entrega R$5,5 milhões em obras de saneamento básico em Nova Andradina

Esta notícia já foi visualizada 196 vezes.

Governo entrega R$5,5 milhões em obras de saneamento básico em Nova Andradina

Data:21/11/2017- Fonte:Sanesul

O Governo do Estado, por meio da Sanesul, entregou na manhã desta sexta-feira (17) a ampliação da Estação de Tratamento de Esgoto que agora tem a capacidade de tratar 50 litros por segundo. Além disso, também foram construídos 13,7 km de rede coletora de esgoto, entre outras obras, totalizando R$5,5 milhões em recursos próprios da Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul. 


A Estação de Tratamento de Esgoto de Nova Andradina fica localizada no bairro Cristo Rei e a nova rede coletora de esgoto foi executada na região da cidade conhecida como Jardim Universitário, contemplando 1.102 ligações domiciliares e também o Centro de Diagnóstico de Câncer com esgoto tratado.

“Investir para ter água com qualidade e esgotamento sanitário é fundamental, porque isso significa qualidade de vida.

Uma vida melhor quando você tem saneamento. Poucos estados no Brasil têm hoje a capacidade que nós estamos tendo de investir com recursos próprios, transformando isso em melhorias, investimentos para beneficiar a população”, disse o governador Reinaldo Azambuja.
O prefeito de município, Gilberto Garcia, também ressaltou a importância das ações que a Sanesul executou. De acordo com o prefeito, “é uma obra fundamental para o desenvolvimento de Nova Andradina”.

As obras de saneamento básico foram entregues em uma solenidade oficial com a presença do governador, do prefeito e também estiveram presentes o secretário de Estado de Infraestrutura, Marcelo Miglioli; o diretor-presidente da Sanesul, Luiz Rocha; o diretor de engenharia e meio ambiente, José Carlos Queiroz; o gerente regional da Sanesul Jair Ribeiro de Oliveira e funcionários da estatal, além de deputados estaduais e autoridades municipais.


Foto: Vista aérea da Estação de Tratamento de Esgoto em Nova Andradina


André Vasconcelos   

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade