REVISTA TAE - Saneago participa de projeto para recuperação de Córrego

Esta notícia já foi visualizada 144 vezes.

Saneago participa de projeto para recuperação de Córrego

Data:29/11/2017- Fonte:Saneago

A Saneago participou, na última sexta-feira (24), do Dia de Campo do Projeto Ser Natureza, na Cidade de Goiás. A ação é desenvolvida pelo Ministério Público estadual e tem o objetivo recuperar o Córrego Bacalhau, responsável pelo abastecimento do município, que vem sofrendo com redução drástica de vazão nos últimos anos. 

A atividade foi realizada na Fazenda Tapera do Barbosa, onde foi desenvolvida a primeira etapa do projeto, com o cercamento e o replantio da área das nascentes do Rio Areias, afluente direto do Córrego Bacalhau. A iniciativa conta com a parceria de órgãos como a Saneago, Emater, Prefeitura, Universidade Federal de Goiás, Universidade Estadual de Goiás, Instituto Vila Boa dos Goyazes, entre outros. Além disso, também há a importante colaboração dos proprietários rurais da bacia.

O diretor de Produção, Marco Túlio de Moura, esteve presente no evento e destacou a atuação da Companhia, com o fornecimento de mudas nativas para replantio, materiais para cercamento e terraceamento de sete nascentes no município. Ele ressaltou também a contribuição dos funcionários da Saneago, que realizaram um diagnóstico ambiental da área, possibilitanto o trabalho dos outros parceiros. “Por ser o maior usuário da bacia, a Saneago tem de se preocupar. É uma responsabilidade nossa”, destacou. 

Marco Túlio frisou a importância da participação da Empresa, com o objetivo de assegurar o abastecimento público no futuro, e revelou que a Saneago buscou recursos exclusivos para este fim. “Melhor do que fazer uma obra, é cuidar da bacia. Passamos um 2015 muito dificil, em 2016 usamos uma captação nova, e esse ano precisamos usá-la novamente. Esse trabalho é para garantir que nos próximos anos a situação não seja a mesma”, disse.

O Promotor de Justiça da Cidade de Goiás, Edivar da Costa Muniz,  enfatizou a relevância da participação popular para o sucesso do projeto. “Esta é uma iniciativa inovadora, que tem por objetivo, em primeiro plano, a participação da população. Só existe se a comunidade quiser”, revelou. Ele também lembrou a crise hídrica dos últimos anos: “em 2015 nós tivemos um problema crítico de falta de água, já que o nosso maior manancial de abastecimento entrou em colapso e nós ficamos alguns dias sendo abastecidos por caminhão pipa. Então, foi necessário esse choque para que a população percebesse que era preciso fazer alguma coisa”.

O representante do MPGO falou ainda sobre o valor cooperação entre as entidades, algumas delas parceiras há vários anos do Ser Natureza em todo o Estado. “Nós trabalhamos todos juntos, cada um na sua área de atuação, visando o bem de toda a comunidade”, apontou.

Após apresentação sobre as ações do projeto, foi realizada uma vistoria nas nascentes existentes na propriedade e realizado o plantio de mudas nativas. 

Estiveram presentes no Dia de Campo outros representantes da Saneago, entre eles o superintendente de Tecnologia Operacional e Meio Ambiente, Wanir Medeiros, o gerente de Proteção de Mananciais, Fernando Junqueira, o gerente de Educação Ambiental e Sustentabilidade, Divino Lázaro, o gerente Regional de Goiás, Álcio Jacobson, o gerente do Distrito de Goiás, Humberto Carlos, e os agentes de Sistemas Irineu Cabral e Humberto Mesquita.

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade