REVISTA TAE - Em um ano, Litoral recebe 20.820 novas ligações de esgoto

Esta notícia já foi visualizada 315 vezes.

Em um ano, Litoral recebe 20.820 novas ligações de esgoto

Data:19/01/2018- Fonte:Sanepar

As obras da Sanepar recebem investimento R$ 252 milhões e devem ser concluídas neste ano

O governador Beto Richa e o presidente da Sanepar, Mounir Chaowiche, inauguraram nesta sexta-feira (19) a terceira etapa das obras de expansão do saneamento em Matinhos e Pontal do Paraná, municípios que abrigam a maior parte das praias do Litoral do Estado. Agora, chega a 20.820 o número de novas ligações feitas de 2017 para cá. Nesta fase, 7.320 imóveis foram integrados à rede.

As obras da Sanepar recebem investimento R$ 252 milhões e devem ser concluídas neste ano, alcançando 25.000 novas ligações no total. No evento, Richa também confirmou a ampliação das Estações de Tratamento de Esgoto Solimões (Matinhos) e Ipanema (Pontal do Paraná), com um aporte de R$ 45,6 milhões.

Acompanhados dos prefeitos de Pontal do Paraná, Marcos Fioravante, e de Matinhos, Rui Hauer, Beto Richa e Mounir Chaowiche visitaram a residência da família Xavier Correia, no balneário Shangri-lá, um dos imóveis que tiveram ligação de esgoto nesta fase. Eles destacaram a importância da obra para a melhoria da qualidade de vida dos moradores da região.

A elevação nos índices de saneamentos, garantidos pelo investimento, foi o ponto destacado pelo governador. Pontal do Paraná salta de 26% para mais de 80%. Em Matinhos, o índice aumentou de 50,21% (em 2010) para 69,10% em 2017. Em Guaratuba, que também recebeu investimentos da Sanepar, o índice aumentou de 55,33% para 82,04%.

Richa afirmou que com vigorosos investimentos, a Sanepar é a melhor empresa de saneamento do Brasil. “No Paraná saltamos de 51% para mais de 72% de saneamento e obras continuam para ampliar este índice, que garante desenvolvimento para o Estado e vida saudável aos paranaenses”, afirmou o governador.

INVESTIMENTOS - O presidente da Sanepar, Mounir Chaowiche, explicou que já chega a R$ 480 milhões o montante aplicado no Litoral do Paraná entre janeiro de 2011 e dezembro de 2017, somados todos os investimentos em água e coleta e tratamento de esgoto, nos municípios atendidos pela companhia.

“O Governo do Estado entende que o nosso Litoral precisa ter uma condição de economia e de vida permanente e faz investimentos. No caso do saneamento é importante para que as famílias procurem se fixar na região”, disse ele. “Nos últimos anos, não tivemos falta de água na temporada”, lembrou.

SEM TRANSTORNO - Clélia Xavier Correia, que recebeu o governador afirmou que as obras de saneamento eram bastante aguardadas. “A gente esperou muito tempo e este avanço é ótimo não só para nós, mas para todo o balneário”, afirmou ela. “É uma vitória. É uma coisa que ninguém vê, mas que é necessário para a saúde da gente. Agora é o céu morar aqui”.

O prefeito de Pontal, Marcos Fioravante, que nasceu e sempre viveu na cidade, também citou alagamentos, com prejuízo à balneabilidade das praias. “Hoje não temos mais isso. É bom para os comerciantes, para os moradores e turistas”, disse. “Os próprios moradores sentem a diferença na saúde e isso não tem preço”.

O comerciante Lauro Mouro, quer mora em Ipanema e disse que a rede de esgoto era a principal demanda. “Hoje a alegria veio com tudo. Passaram vários governos e nada. Era esgoto a céu aberto, vizinho jogando esgoto na rua, dengue. Agora o Governo do Estado cumpriu o que prometeu”, afirmou.

MUNICÍPIOS - Em Matinhos, a terceira etapa do investimento incorporou mais 3.136 novas ligações de esgoto e cinco novas estações elevatórias (Gaivotas, Cohapar I, Cohapar II, Lagoa Amarela e Monções). Em Pontal do Paraná, são mais 4.184 novas ligações de esgoto e cinco estações elevatórias - Brasil, Limoeiro, Olho D’Água, Barrancos, Ilha do Mel.

PRESENÇAS - Também participaram do evento o chefe da Casa Militar, coronel Elio de Oliveira Manoel; o secretário de Estado do Meio Ambiente, Antônio Carlos Bonetti; o deputado estadual Alexandre Curi, o deputado federal Toninho Wandscheer, o presidente do BRDE, Orlando Pessuti; o diretor de Transportes Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba, Carlos do Rego Almeida Filho.

Novas estações ampliam capacidade de tratamento

A ETE Ipanema, em Pontal do Paraná, terá sua capacidade ampliada de 145 para 345 litros por segundo. A estação Solimar, de Matinhos, que hoje tem capacidade para 210 litros por segundo, passará para 402 litros por segundo.

Temporada foi preparada com investimentos e ações

A Sanepar se preparou para a temporada de verão durante todo o ano para garantir o abastecimento de água no período, em que o consumo aumenta acentuadamente. Entre outras ações, foram substituídos trechos de tubulações de grande porte por materiais de maior resistência, instalados geradores de energia em unidades de grande porte.

Foram feitas dragagens em rios para melhorar a captação e aumentou o número de caminhões-pipa. Além disso, está sendo feita a divulgação de uma série de medidas sobre o uso responsável da água, com combate ao desperdício e incentivo à reutilização.

VERÃO PARANÁ - No período do Verão Paraná, a Sanepar é responsável pela higienização das areias das praias de Guaratuba, Matinhos e Pontal do Paraná. O contrato com a empresa licitada prevê a limpeza de 48 quilômetros de areias com máquinas saneadoras. A Sanepar retira o lixo coletado na areia (pelos coletores e saneadoras) e as prefeituras fazem a destinação adequada. As prefeituras continuam sendo responsáveis pela coleta e destinação correta do lixo urbano.

A empresa também disponibilizou 55 duchas ecológicas em Guaratuba, Matinhos e Pontal do Paraná e, em parceria com a Secretaria de Estado da Família e Desenvolvimento Social, mantém nove cadeiras anfíbias para que pessoas com deficiência ou baixa mobilidade possam tomar banho de mar.

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade