REVISTA TAE - Governo do Acre avança com obras de saneamento integrado

Esta notícia já foi visualizada 238 vezes.

Governo do Acre avança com obras de saneamento integrado

Data:22/01/2018- Fonte:www.agencia.ac.gov.br

 ANDRÉ ARAÚJO 
 
O ano de 2018 continua com a mesma intensidade de trabalho nas obras de saneamento integrado de Marechal Thaumaturgo, a exemplo do que foi executado nos últimos doze meses pelo governo do Acre, por meio do Departamento Estadual de Pavimentação e Saneamento (Depasa).

Os serviços de saneamento básico, tratamento de esgoto, módulos sanitários, sistema de tratamento e distribuição de água, além da construção da rampa de acesso ao terminal de transbordo, contemplam o cronograma de ações no município.

Uma frente de atuação que ganha destaque em Marechal Thaumaturgo é a pavimentação. Com um ritmo acelerado, os técnicos já concluíram a extensão de sete quilômetros de concretagem nas ruas da cidade.

“Com a determinação e a coragem do governador Tião Viana para levar saúde e melhoria na qualidade de vida à população e aproveitando cada pausa das chuvas no Acre, seguimos para concluir as etapas das obras no decorrer deste ano, depois de alcançarmos a marca de 70% dos serviços efetuados”, destaca o diretor-presidente do Depasa, Edvaldo Magalhães.

O método utilizado para a execução desses serviços é caracterizado pelo uso das placas de concreto armado pelos engenheiros do Depasa, com o auxílio da Fundação de Tecnologia do Acre (Funtac).

“Marechal Thaumaturgo possui ladeiras de até 72 graus de inclinação e 20 metros de altura, junto de um solo instável, onde construir se torna um grande desafio. Porém, esse tipo de pavimentação está apresentando uma melhor durabilidade para a superfície da região”, relata do diretor-técnico do Depasa, Anderson Mariano.

No entanto, para efetuar a concretagem da pavimentação, outro desafio precisa ser superado. Com o grande quantitativo de materiais e o município possuindo apenas duas vias de acesso – aéreo e fluvial, insumos como cimento, tijolos, brita, ferros e demais maquinários são enviados em grandes balsas, vindas de Manaus (AM), no início do período de cheias dos rios.

“Quando os materiais chegam ao porto de Cruzeiro do Sul, é feita uma etapa de transbordo, que em alguns casos, para facilitar a navegação, seguem balsas menores com destino ao canteiro de obras em Marechal Thaumaturgo”, complementa o gerente do Depasa em Cruzeiro do Sul, Gelmires Lima.


Cimento, brita, tijolos e demais insumos são transportados por meio de balsas até Marechal Thaumaturgo (Foto: Cedida)

O investimento de R$ 23 milhões, oriundo de uma parceria entre o Estado, o Depasa, a Secretaria de Planejamento (Seplan) e o Banco Mundial – por meio do Programa de Saneamento Ambiental e Inclusão Socioeconômica do Acre (Proser) -, melhora a qualidade de vida para os mais de 17 mil habitantes da cidade.

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade