REVISTA TAE - Sanepar investe R$ 30 milhões em esgoto para Ibaiti e entrega obra na Vila Planalto

Esta notícia já foi visualizada 228 vezes.

Sanepar investe R$ 30 milhões em esgoto para Ibaiti e entrega obra na Vila Planalto

Data:29/01/2018- Fonte:Sanepar

Presidente da Sanepar, Mounir Chaowiche, anunciou investimentos de mais de R$ 120 milhões em 17 município do Norte Pioneiro

O presidente da Sanepar, Mounir Chaoiwche, e o prefeito de Ibaiti, Antonely Carvalho, anunciaram nesta sexta-feira (26) investimentos de R$ 31,4 milhões para o sistema de esgotamento sanitário na cidade e a inauguração do sistema de abastecimento de água da Vila Planalto que vai atender 99 famílias da comunidade rural. Com a visita a Ibaiti, o presidente da Sanepar encerrou a viagem de dois dias ao Norte Pioneiro em que anunciou a aplicação de mais de R$ 120 milhões em obras recém-concluídas, em andamento e que serão licitadas em 17 cidades da região.

O anúncio dos investimentos foi feito no Espaço Cultural de Ibaiti, com a participação do gerente regional da Caixa Econômica Federal, Célio Isidoro, de gerentes e técnicos da Sanepar, secretários da prefeitura, vereadores e outras autoridades do município. Em seguida, todos se dirigiram até a Vila Planalto.

"Hoje é um dia histórico para Ibaiti porque, graças à parceria da prefeitura com a Sanepar e o Governo do Estado essas obras vão contribuir para a melhoria da saúde da população. Como médico, convivi muito com gente que sofre moléstias pela falta de saneamento", disse o prefeito Antonely.

O presidente da Sanepar destacou que a Companhia estava em débito com o Norte Pioneiro e que os investimentos vão melhorar a qualidade de vida da população da região. "Independentemente do tamanho da cidade, estamos levando obras que significam mais saúde. Os indicadores da Sanepar estão bem acima da média nacional do atendimento com água potável e coleta e tratamento de esgoto. E a Sanepar tem conseguido recursos graças aos seus projetos e à sua solidez", disse.

SISTEMA DE ESGOTO - Dentro do programa Expansar, a Sanepar irá aplicar R$ 1,4 milhão para a execução de mais 5,6 km de rede, beneficiando 412 famílias de Ibaiti. E ainda este mês deverá ser aberto processo licitatório de obras de R$ 30 milhões para a construção de uma nova estação de tratamento e a extensão de 48 km de rede, que irão atender 3 mil famílias. Com capacidade de tratar 40 litros/segundo, a nova ETE irá substituir a atual estação de tratamento que será transformada em estação elevatória. Com esses investimentos, o atendimento com coleta e tratamento de esgoto em Ibaiti passará de 22% para 70%.

VILA PLANALTO - Com a participação das famílias que agora passam a ter água potável encanada, o sistema da Vila Planalto foi inaugurado no início da noite desta sexta. O presidente da Associação dos Moradores do Assentamento, Avenício da Silva, e o presidente da Associação da Água, Darcy Antero do Carmo, falaram da importância dessa conquista e de receber apoio da prefeitura para a manutenção do sistema, que será operado pela própria comunidade.

O prefeito Antonely garantiu aos moradores que a prefeitura dará o suporte necessário em situações emergenciais. Ele contou que o sonho da água potável na comunidade vem desde a década de 1990, quando surgiu o assentamento com mais de 100 famílias. "Trabalhei como médico no Campinho, conhecia a necessidade dos moradores e acompanhei todo esse processo de conquista de um sistema de água", disse. Segundo o prefeito, foram feitas várias tentativas nas gestões passadas até que, nos últimos 12 meses, uma parceria entre a Prefeitura e a Sanepar possibilitou a implantação do sistema, orçado em R$ 358 mil, com poço, reservatório e rede de distribuição.

Assim que chegou a água potável em casa pela primeira vez, em 26 anos, Helena Pereira de Souza Otávio tratou logo de beber. "Nunca tivemos água. Padecemos bastante. Encontramos uma mina, numa reserva perto, que só tinha água quando chovia. Sem chuva, a gente buscava água nos vizinhos. Então eu agradeço muito", disse.

Para o presidente da Sanepar, poder atender a uma comunidade como aquela ressalta a importância do papel social da Companhia. Mounir disse ainda que toda a comunidade deve cuidar da água potável com bastante carinho e atenção. "A água é de vocês, que devem cuidar para não desperdiçar e usar o sistema de forma consciente."

GUAPIRAMA - Mounir Chaowiche e o prefeito de Guapirama, Pedro Banzé, inauguraram nesta sexta (26) a estação de tratamento de esgoto da cidade, com capacidade para tratar 7,5 litros por segundo, e 19 km de rede, que vão atender 3 mil moradores. "Este serviço é almejado pela população há mais de 40 anos. O projeto teve início em gestões anteriores e finalmente agora está concluído", disse o prefeito.

Segundo Pedro Banzé, o sistema foi feito em três etapas. Na primeira, foi feita rede coletora em parte do centro e alguns bairros; na segunda, construída a estação de tratamento; e, agora, na terceira, mais 19 km de rede. Com isso, o atendimento com rede coletora chega a 80% da população. "Até o fim do meu mandato, quero que 100% da população esteja atendida", afirmou. O prefeito agradeceu a Sanepar pela atenção que sempre recebeu da equipe técnica da Regional de Santo Antônio da Platina, da gerência geral de Londrina e da diretoria em Curitiba. "Sempre fui tratado com muito respeito em profissionalismo."

Mounir Chaowiche disse que estava feliz com a parceria entre a empresa e a prefeitura. "A Sanepar não mede esforços no atendimento. E hoje comemoramos a saúde porque este serviço muda muito a condição de vida das pessoas, que não precisam mais de fossa", concluiu.

JACAREZINHO - A revitalização da estação de tratamento de água de Jacarezinho foi inaugurada no início da tarde de sexta-feira (26) pelo presidente da Sanepar, Mounir Chaowiche, pelo prefeito Sérgio Emygdio de Faria, pelo deputado estadual Pedro Lupion, pela chefe regional do Instituto Ambiental do Paraná, Rosa Maria, por gerentes e técnicos da Sanepar, secretários, vereadores e outras autoridades.

Para reforçar o abastecimento na cidade, a Sanepar está colocando em operação um poço com vazão de 80 mil litros por hora. Os investimentos são de R$ 2,7 milhões.

"O saneamento básico foi primordial para baixar os índices de mortalidade infantil. Em 1983,  em Jacarezinho, havia 64 mortes por mil nascidos vivos. No Brasil, esse índice era de 80. Hoje, o indicador em Jacarezinho está abaixo dos 10 por mil nascidos vivos. No Brasil, é de 14,8. As ações da Sanepar em Jacarezinho fazem diferença na vida da comunidade", disse o prefeito.

Mounir garantiu que será feito um mapeamento de Jacarezinho para que a cidade tenha 100% de coleta e tratamento de esgoto. Hoje, este índice é de 94%.

SANTO ANTÔNIO DA PLATINA - O anúncio da implantação do sistema de abastecimento da Platina e a inauguração da reforma e ampliação da nova central de relacionamento da Sanepar em Santo Antônio da Platina ocorreram no fim da manhã desta sexta-feira (26), com a presença do presidente da Companhia, Mounir Chaowiche, do presidente da Câmara, Jefferson Vernier, representando o prefeito, do deputado estadual Pedro Lupion, do presidente da Associação dos Municípios do Norte Pioneiro (Amunorpi), prefeito de Ribeirão Claro, Mário Augusto Pereira, da assessora da Fomento Paraná, Emília Belinati, de vários prefeitos da região, de secretários municipais, vereadores e outras autoridades.

Estavam presentes também o gerente geral da Sanepar na Região Nordeste, Sérgio Bahls, o gerente regional em Santo Antônio da Platina, Juarez Wollz, o gerente de obras da Sanepar, Luiz Nacayama, gerentes de outras regionais, técnicos e empregados da empresa na cidade.

A nova sede agora abriga todas as unidades da empresa. Durante a cerimônia, os empregados homenagearam a técnica em edificações Larissa Cirino Milani que acompanhou e vistoriou a obra. "Este novo espaço era sonhado há 18 anos e agora vamos oferecer mais conforto aos empregados e clientes", destacou Mounir.

PLATINA - Com recursos de R$ 1,2 milhão, será implantado o sistema de abastecimento de água da Platina, com poço, reservatório e rede de distribuição, beneficiando cerca de 1.500 moradores. A comerciante Fernanda Ferrari, de 37 anos, que sempre morou na localidade afirma que o sistema novo irá melhorar a vida dos moradores. "Prefiro pagar e ter água, porque hoje a gente não paga e também não tem água", afirma. A falta de água prejudica o seu trabalho. "Quando não chove, falta água. Tenho um bar e aí preciso fechar os banheiros. E preciso comprar galões de água. Queremos depois o serviço de esgoto também", pede.

O eletricista Francisco Aparecido Ramos, que mora na Platina há seis anos, afirma que o sistema vai melhorar bastante a condição de vida. "Sem dúvida, vai melhorar. Não ter água para beber, tomar banho, para todos os usos, é um caos", resume. Mas ressalta que tem a expectativa de implantação também do serviço de esgotamento sanitário.

AMUNORPI - No início da manhã de sexta (26), o presidente da Sanepar participou da reunião da Associação dos Municípios do Norte Pioneiro (Amunorpi) e apresentou os investimentos feitos pela Companhia em todo o Estado desde 2011. Foram cerca de R$ 5 bilhões de 2011 a 2017. Para os próximos 5 anos, Mounir informou que estão previstos investimentos de R$ 1 bilhão por ano. No fim de 2017, dos R$ 4 bilhões disponibilizados para saneamento em todo o Brasil pelo Governo Federal, a Sanepar contratou R$ 2 bilhões que serão aplicados ao longo dos anos. "Isso mostra a robustez e seriedade de nossa empresa, que sem dúvida é a melhor do país com reconhecimento internacional." 

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade