REVISTA TAE - Fundação SOS Mata Atlântica leva voluntários que monitoram a qualidade da água em 17 estados do país ao 8º Fórum Mundial da Água

Esta notícia já foi visualizada 135 vezes.

Fundação SOS Mata Atlântica leva voluntários que monitoram a qualidade da água em 17 estados do país ao 8º Fórum Mundial da Água

Data:15/03/2018- Fonte:Assessoria de Imprensa

ONG atuará em diversas frentes para apresentar seu trabalho de mobilização em prol de água limpa

A Fundação SOS Mata Atlântica participará do 8º Fórum Mundial da Água com a maior rede de monitoramento participativo da qualidade da água do país.  O projeto Observando os Rios terá amostras da água coletada expostas no estande da SOS, especialmente desenvolvido para apresentações de projetos locais, debates e encontros técnicos. O evento global mais importante sobre a água será realizado pela primeira vez no Hemisfério Sul, em Brasília, entre os dias 18 e 23 de março.

Programação completa: http://bit.ly/2FA56Rm


O estande estará localizado na “Feira”, espaço com acesso gratuito e aberto ao público, cujo objetivo é a troca de experiências e soluções para a gestão e governança da água. A Fundação levará para Brasília 54 voluntários – representantes de grupos de monitoramento do “Observando os Rios”, projeto que monitora a qualidade da água de 230 rios nos 17 estados da Mata Atlântica e tem patrocínio da Ypê.

Romilda Roncatti, coordenadora do projeto, reforça a importância da participação da sociedade no cuidado com a água. “Uma rede de voluntários realiza coletas e análises mensais da qualidade da água em seus municípios. Sem esse trabalho, não conseguiríamos ter um relatório anual com o raio-x da situação dos rios brasileiros”, ressalta. Além do monitoramento, muitos grupos utilizam esses resultados em outras atividades em suas comunidades e também em pesquisas na Academia. “O Fórum será uma oportunidade para que os representantes desses grupos apresentem seus trabalhos e troquem experiências”, diz Romilda.

O trabalho voluntário do “Observado os Rios” será apresentado no estande e na Vila Cidadã, outro espaço do Fórum aberto e gratuito ao público, no Estádio Nacional Mané Garrincha. Lá, serão desenvolvidas atividades culturais e interativas que estimulem a construção de um diálogo rumo ao uso eficiente da água.

A Fundação SOS Mata Atlântica participará ainda das discussões que serão promovidas pelo Fórum. No dia 21 de março, a partir das 9 horas, Malu Ribeiro, especialista em recursos hídricos da ONG, será painelista da sala temática “Ecossistemas”, com o subtema “Entendendo a qualidade da água das nascentes à foz”.

Destaques da programação:

Dia 18 – 17h - Talk Show - Um olhar sobre o uso da água na indústria da moda – Ecoera

Dia 19 – 11h – Encontro Nacional dos grupos de monitoramento

Dia 20 – 19h - Velhas: Um novo olhar para as águas - MG

Dia 21 – 13h - Vídeo Debate - Rio Doce - USCS – SP

Dia 22 – 18h - Dos Rios ao Mar: cuidando do litoral. – RN

  

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade