REVISTA TAE - Empresas de saneamento buscam eficiência energética e avaliam Modernização do Setor Elétrico

Esta notícia já foi visualizada 274 vezes.

Empresas de saneamento buscam eficiência energética e avaliam Modernização do Setor Elétrico

Data:06/04/2018- Fonte:www.casan.com.br

A criação de um grupo de trabalho para estudo do Projeto de Lei de Modernização do Setor Elétrico e a elaboração de guias técnicos nas temáticas eficiência energética, macromedição, setorização e distritos de medição e controle estão entre os encaminhamentos da reunião da Câmara de Desenvolvimento Operacional da AESBE, realizada esta semana na Matriz da CASAN, em Florianópolis.

Durante dois dias (3 e 4 de abril), profissionais de 17 empresas estaduais de saneamento discutiram ações para promover a redução de perdas de água e melhorias energéticas na prestação de serviços de abastecimento de água e de coleta e de tratamento de esgotos.

A reunião também permitiu a troca de experiências bem-sucedidas nestes campos. Um novo encontro, no formato de workshop,  deve ser realizado na região norte, provavelmente no Pará, em data a ser agendada.

A reunião desta semana foi a primeira da Câmara de Desenvolvimento Operacional em Florianópolis, permitindo à CASAN ser anfitriã de mais um importante momento de integração e de discussão entre profissionais da área de saneamento.

O evento foi aberto pelo presidente da CASAN, engenheiro Valter Gallina, que ressaltou a importância da área operacional para o crescimento das empresas estaduais de saneamento e em especial para o atendimento à população brasileira.

A Câmara Técnica de Desenvolvimento Operacional (CDO) da AESBE foi criada em 2012, tendo atualmente como coordenador Alexandre Gomes, profissional da SANEAGO, e como secretária Andreia May, da CASAN.

Sua meta é a melhoria da eficiência na gestão operacional dos sistemas de abastecimento de água e de esgotamento sanitário. É também objetivo dos profissionais que integram a iniciativa promover a disseminação e o intercâmbio de tecnologias e informações para redução de perdas de água, eficiência energética e consequente melhoria do desempenho na prestação dos serviços.

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade