REVISTA TAE - Presidente Jerson Kelman participa de debate sobre água e saneamento no litoral paulista

Esta notícia já foi visualizada 152 vezes.

Presidente Jerson Kelman participa de debate sobre água e saneamento no litoral paulista

Data:24/04/2018- Fonte:Sabesp

Água e saneamento foram os temas abordados na edição do dia 23 de abril, no seminário “A Região em Pauta”, produzido pelo A Tribuna, em Santos. A iniciativa focou em duas abordagens diferentes: o abastecimento nas cidades da região e a necessidade de obras para coleta e tratamento de esgoto; e o uso racional e o reúso da água em empreendimentos civis e no cotidiano.  

O presidente Jerson Kelman foi um dos debatedores convidados, junto com o deputado federal João Paulo Papa, presidente da Subcomissão de Saneamento Ambiental da Câmara, e o prefeito de São Vicente, Pedro Gouvêa, também presidente do Conselho de Desenvolvimento da Baixada Santista (Condesb)

Após traçar um panorama geral sobre a Sabesp, área de atuação e grandes números da empresa, Kelman falou sobre os investimentos realizados na Baixada Santista. Dos nove municípios que compõem o litoral paulista, apenas um, a cidade de Santos, tem contrato de serviço com a Sabesp, o que levou o presidente a enfatizar a necessidade de alinhar os interesses da empresa com os outros municípios e firmar contrato para fornecer água e tratamento de esgoto de qualidade para toda a população da região. 

“O desafio maior é promover a coleta de esgoto nas regiões. Em alguns lugares é possível, em outros não, e para fazer isso a Sabesp não consegue fazer sozinha, precisa da colaboração, da parceira de cada município, porque tudo isso exige ações conjuntas. Por isso que nas discussões que estamos tendo com os diversos municípios sobre a contratualização, nós recebemos, com muita alegria, da Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo, a Arsesp, a possibilidade de que parte da receita possa ser destinada aos municípios para que possam fazer obras complementares às obras executadas pela Sabesp”, comentou o presidente.

Ele também destacou o relatório divulgado no início de abril, que apresenta a melhoria nas condições das praias, tendo como um dos principais motivos o investimento feito pela Sabesp na ampliação da coleta e tratamento de esgoto no litoral norte, sul e na Baixada Santista.

O deputado Papa destacou a grandeza e importância do Sistema Produtor São Lourenço, Segundo ele, “é um dos sistemas mais complexos do país, (...), que busca a água lá no Vale do Ribeira e depois desloca essa água por 80 km de pura estrada, grande e finalmente interliga a região Metropolitana de São Paulo. Só quem já participou de projetos dessa dimensão, pode imaginar o esforço técnico, a disposição e a coragem que isso exige da Sabesp (...). Houve negociações com cada um dos municípios ao longo deste caminho, a questão da construção da bacia, que sempre levanta polêmica grande no Brasil, e finalmente o sistema está pronto”, salientou.

Também estiveram presentes no debate, importantes representantes da Sabesp, como os diretores de Sistemas Regionais , Luiz Paulo de Almeida Neto; de Tecnologia, Empreendimentos e Meio Ambiente, Edison Airoldi ; os superintendentes de Gestão de Empreendimentos, Silvio Leifert; de Gestão do Programa de Recuperação Ambiental da Baixada Santista , Jose Luiz Salvadori Lorenzi; e da Unidade de Negócio Baixada Santista,  Kleber Castilho Polisel.

A mediação do debate foi realizada pelo jornalista Rafael Mota, da editoria ‘Cidades’, do grupo A Tribuna. Os convidados responderam as perguntas dos participantes sobre os variados temas que envolvem o saneamento básico, distribuição de água e contratos das cidades litorâneas com a companhia.

Já estão no cronograma do seminário, até o final do ano: turismo (289/5), terceira idade (18/6), novas vocações econômicas (30/7), acessibilidade (27/8), política (24/9), assistência social (29/10) e ensino técnico e educação superior (2/12).

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade