REVISTA TAE - Itubombas atua em projeto de saneamento da Prolagos, no RJ

Esta notícia já foi visualizada 148 vezes.

Itubombas atua em projeto de saneamento da Prolagos, no RJ

Data:25/04/2018- Fonte:Assessoria de Imprensa

Cinco motobombas da empresa foram instaladas em pontos estratégicos da Região dos Lagos, para auxiliar na distribuição de água e evitar extravasamento de esgoto

A Prolagos, empresa da Aegea Saneamento, é a concessionária responsável pelos serviços de saneamento básico dos municípios fluminenses de Cabo Frio, Búzios, Iguaba Grande, Arraial do Cabo e São Pedro da Aldeia. Por ser uma área turística, a Região dos Lagos – como ficou comumente conhecida – precisa se preparar para receber uma grande quantidade de turistas em época de férias.  Pensando nisso, a Prolagos contratou cinco equipamentos da Itubombas, entre dezembro de 2017 e fevereiro de 2018, para reforçar suas operações.

“Os modelos ITU-88S12 e ITU-12121S17 foram instalados em pontos estratégicos com a função de boosters, que tem como objetivo o incremento de energia para aumento de pressão e vazão no sistema de distribuição de água”, conta o Gerente de Operações da Prolagos, Douglas Jordão. Com capacidade para bombear 800m³/h e 1500m³/h, respectivamente, os equipamentos foram adaptados para trabalhar remotamente pelo Centro de Controle Operacional (CCO) da companhia.

Além disso, a empresa também instalou dois modelos ITU-66S11, com capacidade para bombear 400m³/h a 20m de altura, em elevatórias de esgoto como uma terceira bomba, de modo a evitar extravasamento de esgoto. Segundo Douglas, todos os equipamentos chegaram a operar em um regime de 15h diárias.

Por se tratar de uma aplicação específica na área de automação e operação autônoma, o Gerente conta que o projeto demandou uma troca de conhecimentos entre a Prolagos e a Itubombas. “Durante o período de preparação das motobombas, enviamos um técnico da Prolagos para adequar os equipamentos à aplicação da unidade. Desde então, as soluções da Itubombas operaram de forma satisfatória”, finalizou.

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade