REVISTA TAE - Empresa brasileira compra 200 caminhões de lixo elétricos

Esta notícia já foi visualizada 175 vezes.

Empresa brasileira compra 200 caminhões de lixo elétricos

Data:22/05/2018- Fonte:

Da Redação 

Corpus Saneamento seria a primeira do mundo ocidental a ter uma frota específica desse tipo e vai receber lotes anuais até 2023

Sediada em Indaiatuba, interior de São Paulo, a empresa fechou o contrato com a chinesa BYD para fornecimento de duas centenas de caminhões de lixo totalmente elétricos. O cronograma de entregas prevê o escalonamento anual, finalizando o último lote em 2023. O primeiro, com 21 unidades, chega ao país, em setembro.

O pacote foi antecedido do teste com o veículo da marca, processo iniciado em 2016, segundo João Paschoalini, diretor operacional da Corpus. “A sustentabilidade e a preservação ambiental estão diretamente ligadas à utilização de fontes de energias renováveis. Ainda mais em uma frota de veículos pesados e para operação comercial”, argumenta.

O ciclo de sustentabilidade não se limita à eletrificação de frotas e  inclui o aproveitamento do lixo para gerar energia elétrica no futuro. “A Corpus tem uma história de pioneirismo, agora confirmada com a liderança no processo de eletrificação dos segmento brasileiro de caminhões”, avalia o executivo.

Para Carlos Roma, diretor de vendas da BYD do Brasil, a aquisição da Corpus representa um importante marco na história da indústria automotiva brasileira.

“Diferente dos outros fabricantes de todo o mundo que estão colocando agora seus primeiros caminhões 100% elétricos em demonstração com os clientes, o nosso já está em operação comercial há cinco anos e, no Brasil, desde outubro de 2016, garantindo receita imediata e agregando valor para o nosso cliente em sua atividade”, finaliza.

Ele destaca que o eT8A é o caminhão de lixo mais silencioso do mercado e seu desempenho foi comprovado pelo cliente e superou o dos modelos convencionais a diesel. O caminhão também possui o menor TCO do mercado, sigla em inglês para Custo Total de Propriedade entre os disponíveis no mercado brasileiro, de acordo com a BYD.



Fonte: www.infraroi.com.br 

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade