REVISTA TAE - Governo vai ampliar abastecimento de água em Rio Branco com modernização de estação

Esta notícia já foi visualizada 90 vezes.

Governo vai ampliar abastecimento de água em Rio Branco com modernização de estação

Data:23/05/2018- Fonte:http://www.agencia.ac.gov.br

Arison Jardim 

Investimento será de R$ 7,8 milhões e fará com que a ETA I forneça 17 milhões de litros por dia (Foto: Sérgio Vale/Secom)

Construída em 1976, a Estação de Tratamento de Água (ETA I), localizada no bairro Sobral, em Rio Branco, passará por uma grande modernização este ano promovida pelo governo do Estado. A ordem de serviço foi assinada na manhã desta terça-feira, 22, pelo governador Tião Viana. O investimento será de R$ 7,8 milhões e vai aumentar a capacidade de abastecimento da unidade para cerca de 40% da cidade.

A ação faz parte do planejamento do governo em investimentos para o saneamento básico do estado, o que tem contribuído para a melhoria dos índices de saúde e qualidade de vida. “No início de nosso governo, Rio Branco tinha 46% de cobertura de água e nós aumentamos em mais de 100%. Com isso, a mortalidade infantil caiu, a expectativa de vida aumentou e as internações hospitalares caem a cada ano, a partir de 2013”, afirmou o governador.

A relação entre saneamento e saúde pode ser vista ao apontar os dados. Em todo o estado, a rede de água passou de 300 quilômetros em 2000 para mais de 2.300 quilômetros em 2016, enquanto em Rio Branco a taxa de mortalidade infantil, um dos principais indicadores de qualidade de vida e de saúde, saiu de 21,81, em 2007, para 11,46 óbitos infantis (a cada 1.000 nascidos vivos) em 2017. E boa parte do avanço no saneamento do estado é fruto das obras do programa Ruas do Povo.

O diretor-presidente do Departamento Estadual de Pavimentação e Saneamento (Depasa), Moisés Diniz, explica de forma simples o que significa a ampliação que será realizada na ETA I. “É como se a ETA I fosse, por exemplo, colocar água para mais um Segundo Distrito de Rio Branco, além de melhorar também a intermitência [intervalo entre o abastecimento] e entregar mais água para a população da capital.”

Desde que o antigo Sistema de Abastecimento de Água de Rio Branco (Saerb) passou para a administração do governo do Estado, tornando-se Departamento de Pavimentação e Saneamento (Depasa Rio Branco), um trabalho incisivo tem sido realizado para que não falte mais água nas casas, um problema histórico influenciado por vários fatores.

Agora, a ETA I passará a ter uma capacidade de produzir 17 milhões de litros por dia. Para isso, será realizada a implementação de nova captação com flutuante, adutora de água bruta, sistema de tratamento de lodo gerado pela unidade, reativação de cinco filtros e outras ações.

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade