REVISTA TAE - Corsan investe na construção de reservatório de água em aço vitrificado

Esta notícia já foi visualizada 143 vezes.

Corsan investe na construção de reservatório de água em aço vitrificado

Data:04/06/2018- Fonte:Assessoria de Imprensa

O governo do Estado, por meio da Companhia Riograndense de Saneamento (Corsan), está investindo em novas tecnologias para garantir o abastecimento de água e a segurança hídrica dos municípios em que presta serviços.  Em Gramado, a Corsan está destinando R$ 3,6 milhões para a construção de um reservatório em aço vitrificado, que terá capacidade para armazenar 3 milhões de litros de água, dobrando a capacidade de reservação no município, beneficiando aproximadamente 30 mil pessoas.


O novo reservatório chama atenção pela tecnologia utilizada, construído em aço fundido com vidro. Importado dos Estados Unidos, o material se destaca pela qualidade e rapidez na montagem. Esse é o primeiro reservatório construído pela Companhia utilizando a nova tecnologia.


Devido à sua localização, em terreno acidentado e com a presença de rochas, o projeto sofreu algumas alterações antes de iniciar a obra. Após os ajustes necessários, a empresa realizou a limpeza e a terraplanagem do local em que o reservatório está em construção.


Já foi concluída a etapa de montagem da estrutura do reservatório, restando à limpeza interna, conclusão do muro de contenção, urbanização e uma bateria de testes para garantir o funcionamento do sistema. A obra está prevista para ser concluída até o final do mês de julho.


Localizado na entrada da Aldeia do Papai Noel, o novo reservatório terá 26,44 metros de diâmetro e 9,65 metros de altura. A empresa responsável pela execução da obra é a SM7 Engenharia Tecnologia e Importação LTDA. A fiscalização da obra é de responsabilidade do Departamento de Obras da Serra (DEOB-SERRA), com sede no município de Bento Gonçalves e vinculado à Diretoria de Expansão da Corsan.


Crédito Texto: Jean P. H. Maidana/ASCOM SOP

Créditos Fotos: Jean P. H. Maidana/ASCOM SOP

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade