REVISTA TAE - Sabesp leva tratamento de esgoto para quase 40 mil moradores de São Vicente

Esta notícia já foi visualizada 141 vezes.

Sabesp leva tratamento de esgoto para quase 40 mil moradores de São Vicente

Data:18/06/2018- Fonte:Sabesp

Na última quarta-feira (13/6), o governador do Estado de São Paulo, Márcio França, autorizou o início de uma nova fase de obras da Sabesp na Baixada Santista. Serão investidos R$ 46 milhões para a instalação de 54,1 km de redes coletoras, três estações de bombeamento e a conexão de mais 11.343 moradias ao sistema de coleta e tratamento de esgoto em São Vicente. 

Os bairros beneficiados são Vila Margarida, Jóquei Clube e Morro dos Barbosas, com uma população fixa estimada em 38.600 habitantes. As melhorias devem estar prontas dentro de 18 meses e farão com que o índice de cobertura por redes de esgotamento em São Vicente suba de 80% para 87%. 

Além de contribuir para a qualidade de vida da população, com a diminuição da incidência de doenças de veiculação hídrica, como verminoses e diarreias, os investimentos da Sabesp na área de esgotamento sanitário da Baixada Santista também impactam positivamente na qualidade das praias Milionários e Itararé. A região do Mar Pequeno também terá reflexos positivos das intervenções da companhia. 

A importância deste tipo de investimento da Sabesp para o meio ambiente foi destacada no último Relatório de Qualidade das Praias Litorâneas do Estado de São Paulo, da Cetesb. Segundo o documento, “os programas de investimento para a universalização dos serviços de saneamento no litoral têm contribuído para a melhora dos índices de balneabilidade”.

Região segue recebendo investimentos
Esse pacote de obras é mais um investimento da Sabesp na região. Em abril, a companhia entregou R$ 88 milhões em expansão do sistema de esgotamento sanitário em Bertioga e Guarujá. Essa entrega representou a universalização da coleta e tratamento dos esgotos no distrito de Vicente de Carvalho (Guarujá), beneficiando cerca de 50 mil moradores.

Nos últimos 10 anos a Sabesp ampliou o índice de coleta de esgotos de 54% para 79% nas nove cidades, por meio do Programa Onda Limpa, mantendo 100% do tratamento.

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade