REVISTA TAE - Veja como controlar os parâmetros da água para diversos usos

Esta notícia já foi visualizada 689 vezes.

Veja como controlar os parâmetros da água para diversos usos

Data:11/09/2018- Fonte:www.noticias.dino.com.br

Mesmo sendo extraída da natureza, alguns parâmetros da água precisam ser atendidos para que tudo ocorra conforme previsto.


A água tal como conhecemos possui uma série de componentes que muitas vezes não é perceptível aos olhos, mas pode interferir em determinadas circunstâncias. Utilizada em vários segmentos, ela é essencial não só para manter as pessoas hidratadas, como também contribui para a confecção de peças, produtos, roupas e alimentos. Porém, para cada execução é necessário um tipo de tratamento diferenciado. Mesmo sendo extraída da natureza, alguns parâmetros da água precisam ser atendidos para que tudo ocorra conforme previsto e isso só é possível graças a equipamentos apropriados para essa finalidade. Com eles, as empresas conseguem fazer o devido controle da qualidade da água, de modo a não perder a produtividade, oferecendo o que há de melhor para o consumidor.

A classificação da água se dá por alguns parâmetros no que se refere a características físicas, químicas e biológicas. Caso eles estejam fora do estabelecido para aquela aplicação, o que excede é considerado impureza. Essa determinação varia de acordo com a necessidade, pois em alguns ambientes pode ser indispensável concentrações mais baixas de determinada propriedade, enquanto em outros essa exigência não precisa ser tão rigorosa. Tudo vai depender do objetivo final e de como os parâmetros da água podem ou não interferir nos produtos. Atender a essas especificações é muito importante para o uso correto da água, sem prejudicar qualquer tipo de irrigação ou processo industrial. Da mesma maneira, é preciso que ela seja potável para o consumo humano e passível de utilização em recreação ou em qualquer outro momento oportuno.

A Asstefil , empresa especializada em sistemas de filtragem , explica que existem equipamentos específicos no mercado desenvolvidos justamente para medir e controlar os parâmetros da água. "Os medidores e controladores compreendem os seguintes parâmetros: pH, Redox (ORP), Cloro, Condutividade, Ozônio, Dióxido de Cloro, Peróxido de Hidrogênio e Ácido Peracético. A tecnologia utilizada na construção destas unidades assegura o máximo de confiabilidade e alta performance de trabalho, com procedimentos de operação simples e fáceis", conta. Assim, é possível fazer um rigoroso controle da qualidade da água para utilização em diferentes locais.

No que se refere aos parâmetros da água, o pH (potencial hidrogeniônico), nada mais é do que o equilíbrio entre íons H+ e íons OH, ou seja, é ele tem vai indicar se a água é ácida, neutra ou alcalina. Esse fator varia de acordo com a origem e características naturais, que pode ser modificado com a introdução de resíduos. O Redox (ORP) é um sensor que faz a leitura que indica um agente oxidante (com adição de oxigénio) ou um agente redutor (com redução de oxigénio).

Os cloretos são os responsáveis por dar sabor salgado à água ou ainda propriedades laxativas, caso estejam em altas concentrações. Esgotos domésticos e industriais, minerais ou mesmo a água do mar são de onde eles procedem. Já a condutividade é a capacidade que a água tem de conduzir corrente elétrica, enquanto o Ozônio é muito utilizado no processo de desinfecção da água. Existem ainda muitos outros parâmetros da água, inclusive físicos, e que precisam ser tratados. Para não cometer erros, a recomendação é se certificar de que a água está recebendo o controle necessário, utilizando dos equipamentos adequados.


Website: https://www.asstefil.com.br/

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade