REVISTA TAE - Niterói está entre as dez cidades mais inteligentes em ranking nacional

Esta notícia já foi visualizada 582 vezes.

Niterói está entre as dez cidades mais inteligentes em ranking nacional

Data:11/09/2018- Fonte:www.abconsindcon.com.br

Município sobe oito posições em principal estudo sobre o tema no país

Pela primeira vez, Niterói entrou para o grupo das cidades brasileiras mais inteligentes no Ranking Connected Smart Cities 2018, principal estudo sobre o tema do país realizado pela Urban Systems, em parceria com a Sator. O levantamento conta com a participação de cerca de 700 cidades, que são analisadas a partir de 70 indicadores divididos em 11 eixos — Mobilidade e Acessibilidade, Urbanismo, Meio Ambiente, Energia, Tecnologia e Inovação, Economia, Educação, Saúde, Segurança, Empreendedorismo e Governança — e aponta Niterói como a décima mais inteligente e conectada do país.

Com o resultado, a cidade subiu oito posições na comparação com o ranking do ano passado, puxada por avanços nas áreas de Tecnologia e Inovação, Mobilidade e Acessibilidade e Meio Ambiente. Outros setores em que Niterói sequer figurava entre as 50 primeiras do país, como Urbanismo, Saúde, Segurança, Educação e Governança também tiveram bom desempenho, segundo a análise.Mudanças na metodologia do estudo também ajudaram Niterói a ficar numa melhor posição. Além do acréscimo de itens como paralisação do abastecimento de água, que mede a eficiência do sistema, critérios que já existiam passaram a ser medidos na pesquisa de forma proporcional ao número de habitantes. As ciclovias, por exemplo, eram mensuradas pela extensão em quilômetros. Agora, aparecem como uma relação de quilômetros para cada cem mil habitantes. Neste caso, a ampliação da malha cicloviária de 15 para 30 quilômetros nos últimos quatro anos teve grande influência.

Willian Rigon, diretor da Urban Systems, que coordena o estudo, explica que o investimento per capita do município no ano passado em Saúde e Educação também influenciou no resultado:

— Apesar de não estar tão bem em Educação e Saúde, Niterói teve um salto em relação ao ano passado. Isso é reflexo de investimento público nessas áreas que atingem patamares elevados de cerca R$ 600 em Educação e R$ 770 em Saúde por habitante. No setor de saneamento, que tem relação direta com o de Meio Ambiente, por exemplo, a cidade tem coleta e tratamento de esgoto próximo de 95%, bem maior do que muitas capitais.O primeiro lugar no Ranking Connected Smart Cities 2018 ficou com Curitiba (PR), seguida por São Paulo (SP), Vitória (ES), Campinas (SP), Florianópolis (SC), Rio (RJ), Belo Horizonte (MG), Porto Alegre (RS), Santos (SP) e Niterói (RJ), na décima colocação.

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade