REVISTA TAE - ABES e Sabesp promovem encontro “Inovação no Saneamento”
Esta notícia já foi visualizada 789 vezes.



ABES e Sabesp promovem encontro “Inovação no Saneamento”

Data:21/11/2018
Fonte: ABES

Suely Melo


A Associação Brasileira de Engenharia Sanitária Ambiental – ABES e a Sabesp promoveram no dia 13 de novembro, na sede da ABES Seção São Paulo (ABES-SP) o encontro “Inovação no Saneamento”. O evento, que teve mais de 80 participantes, contou com palestras de Edison Airoldi, diretor de Tecnologia, Empreendimento e Meio Ambiente da Sabesp, João César Queiroz Prado, diretor de Sistemas Regionais da Companhia, Paulo Massato, diretor Metropolitano de Sabesp, e Márcio Gonçalves, superintende da Unidade de Negócio Leste da Sabesp e presidente da ABES-SP.
 

Edison Airoldi abriu as apresentações abordando, entre outros temas, os desafios para uma Sabesp mais competitiva, em áreas como redução de perdas, energia, inovação em processos de tratamento de água, materiais e produtos químicos, automação e otimização operacional, sustentabilidade ambiental e Soluções de engenharia e de construção com menor custo e prazo e mais qualidade. E destacou o projeto “Pitch Sabesp – soluções inovadoras”, uma das iniciativas da companhia de incentivo à inovação. “A ideia é estimular cada vez mais esta cultura”, frisou.

O diretor de Sistemas Regionais da Sabesp, João César Queiroz Prado, falou sobre os desafios, o investimento em inovação e a busca por soluções em 332 municípios operados pela Sabesp no estado de São Paulo, que englobam 786 Comunidades e 9,4 milhões de pessoas atendidas, alcançando 13,1 milhões em épocas de férias e feriados. “Para crescer, temos que inovar. Precisamos de inovação.”

Em sua abordagem, Paulo Massato, diretor Metropolitano de Sabesp, ressaltou os desafios do saneamento numa área de 21,2 milhões de habitantes, como: atender às demandas da ABRAINC, SECOVI e SINDUSCON; ter um Modelo de Negócio para Aproveitamento Energético A/E; a despoluição dos mananciais e dos cursos d’água da Bacia do Alto Tietê; atingir metas de Redução de Perdas fixada pela ARSESP; automação dos processos de apoio e inclusão e cidadania para população de Baixa Renda. “Temos em nosso setor um trabalho importante que é o de incluir esses milhões de pessoas, cidadãos que têm o direito de ter água potável e esgoto coletado.  É um grande desafio.”



O presidente da ABES-SP, Márcio Gonçalves, falou sobre as ações da ABES em inovação, em especial o Espaço Startup, lançado pela entidade durante o Congresso ABES Fenasan 2017 e que terá sua segunda edição durante a Rio Water Week, de 26 a 28 de novembro, no Riocentro, Rio de Janeiro. Também ressaltou a construção da Câmara Temática da ABES de TI e Inovação com Startups. “Precisamos de mais soluções inovadoras em água e energia para atender as pessoas, grande parte ainda em condições de baixa renda, vivendo nas franjas da sociedade.”

Comentários desta notícia

Publicidade