REVISTA TAE - Corsan entrega à Prefeitura relatório de ações que normalizaram abastecimento em Gramado
Esta notícia já foi visualizada 1001 vezes.



Corsan entrega à Prefeitura relatório de ações que normalizaram abastecimento em Gramado

Data:21/12/2018
Fonte: www.corsan.com.br

A comissão que está funcionando como uma força-tarefa para a solução das questões do abastecimento de água de Gramado, esteve reunida na tarde de ontem, 19, com o prefeito João Alfredo de Castilhos Bertolucci para apresentar um relatório de ações realizadas desde o final de novembro que normalizaram o sistema da cidade. A equipe, que foi designada para acompanhar de forma permanente a situação, é composta pelo secretário de Obras, Saneamento e Habitação, Rogério Araujo de Salazar, representando o governo do Estado; pela secretária de Meio Ambiente, Cristiane Bandeira da Silva, e o presidente do Condema - Conselho Municipal do Meio Ambiente, Vitor Ferrari, representando a Prefeitura Municipal; e da Corsan, o diretor de Inovação, Relacionamento e Sustentabilidade, Jean Bordin; o gestor da Unidade de Gramado, Acir Silva da Costa e o funcionário Ermógenes Bodanese que foi deslocado de Capão da Canoa para reforçar a equipe.

No relatório entregue ao prefeito, foram apresentadas as ações de curto e médio prazo operacional, além de novas obras para expansão dos sistemas de água e esgotos. Conforme o diretor Jean Bordin, da Corsan, “as equipes foram reforçadas, o que resultou em maior agilidade nos consertos de redes, bem como o contrato de performance que está buscando vazamentos invisíveis que podem comprometer a distribuição de água”. Com essas e outras medidas operacionais, os reservatórios da Corsan, inclusive o novo de 3 mil metros cúbicos da Aldeia do Papai Noel, ficam com sua capacidade máxima durante a madrugada, possibilitando que durante o dia essa água armazenada seja liberada para o consumo. Sobre a conclusão das obras de interligação de adutoras de água bruta, próximo à captação no “Poço da Faca”, a comissão informou ao prefeito que, tendo em vista a normalidade do sistema de abastecimento, não seria apropriada a realização desta obra nesta época de Natal, de grande movimento, ficando postergada para o início do próximo ano, em data a ser definida.

Comentários desta notícia

Publicidade