REVISTA TAE - Região de Campinas economiza 18 milhões de litros de água com ação ambiental

Esta notícia já foi visualizada 243 vezes.

Região de Campinas economiza 18 milhões de litros de água com ação ambiental

Data:09/01/2019- Fonte:Fundação Toyota do Brasil

Nos últimos dois anos, a Região Metropolitana de Campinas, São Paulo, economizou 18 milhões de litros de água com a implementação do projeto Ambientação. O dado faz parte da segunda fase um estudo elaborado por meio de uma parceria entre a Fundação Toyota do Brasil, que desenvolve a iniciativa, e a Fundação Espaço ECO®, que com base na metodologia de Avaliação de Ciclo de Vida (ACV), avaliou 18 iniciativas implementadas em 2017 e 2018. Os resultados foram divulgados no fim de dezembro durante encerramento da segunda edição do projeto Ambientação da Região Metropolitana de Sorocaba. Entre as cidades que fazem parte desse resultado, estão: Campinas, Itatiba, Valinhos, Pedreira, Santo Antônio da Posse, Jundiaí, Jaguari&uacut e;na, Indaiatuba, Arthur Nogueira, Pedreira, Hortolândia, Morungaba, Vinhedo. 

A parceria, que surgiu em dezembro de 2017, tem como objetivo mostrar os reais impactos alcançados pelo projeto Ambientação, que por meio de uma metodologia da Toyota, propõe soluções sustentáveis para economia de água e energia e gerenciamento de resíduos. De acordo com o estudo, os 18 milhões de litros de água é o equivalente a 36 mil caixas d’água de 500 litros, quantidade suficiente para 600 pessoas tomarem banho de cinco minutos em um ano. Além disso, essa redução de consumo pode chegar ao fim de 2019 a 42 milhões de litros de água que deixarão de ser desperdiçados.

Em meados de 2018 com as chuvas escassas, o Consórcio PCJ (Piracicaba, Capivari e Jundiaí) orientou as prefeituras a investir em campanhas para redução de perdas, consumo consciente e, principalmente, em reservatórios para não depender apenas da calha dos rios para captação. 

 
“Não se trata apenas de economia aos cofres públicos. O Ambientação é educação ambiental, consciência, transformação pessoal e social”, afirma Elaine Marques, coordenadora do projeto Ambientação.

O projeto Ambientação, desenvolvido pela Fundação Toyota do Brasil, está completando dez anos em 2018, e tem como principais objetivos a preservação do meio ambiente por meio da educação. Assim, desenvolve uma série de práticas sustentáveis realizadas por meio do Toyota Business Practices (TBP), uma metodologia de gestão de problemas da montadora.

A Fundação Espaço ECO®, instituída pela BASF, atua como consultora para sustentabilidade, desenvolve projetos para organizações medirem e compreenderem os impactos ambientais, sociais e econômicos de produtos e processos, com base no pensamento de Ciclo de Vida (ACV).


Mais resultados

Com a segunda fase da parceria entre as Fundações, esses resultados somam-se aos já revelados pela Fundação Espaço ECO, em meados de 2018. No total, são mais de 716 milhões de litros de água que deixaram de ser consumidos após implementação do projeto Ambientação. O volume é equivalente ao gasto de água para lavar a roupa de 275 mil pessoas. A redução do consumo de energia chegou a 3,4GJ (GigaJoule) o equivalente ao consumo anual 488 residências com quatro pessoas. Já as emissões evitadas chegaram a 311 toneladas de CO2, ou seja, o equivalente a 5 horas sem que haja nenhum veículo circulando na cidade de Sorocaba. O estudo foi baseado em trabalhos desenvolvidos pelo projeto Ambientação desde 2010.
 

 

+ Saiba Mais

Comentários desta notícia

Publicidade