REVISTA TAE - Gramadinho terá água tratada em seus imóveis
Esta notícia já foi visualizada 1250 vezes.



Gramadinho terá água tratada em seus imóveis

Data:03/07/2019
Fonte: Sanepar

Sanepar e Prefeitura de Guaraniaçu assumiram compromisso para beneficiar as 49 famílias da localidade

Uma nova parceria assinada pela Sanepar e o município de Guaraniaçu vai permitir a implantação do sistema de abastecimento de água para a comunidade rural de Gramadinho. O termo aditivo do contrato de concessão foi firmado, na sexta-feira (28), pelo prefeito Osmário Portela e pelo gerente de Projetos e Obras da Sanepar, Mário Hanaoka, na presença do líder do Governo na Assembleia Legislativa, deputado Hussein Bakri.

Para levar a água tratada às 49 famílias do Gramadinho serão assentados 9.974 metros de redes de distribuição e 775 metros de adutora e construída uma casa de química para tratar a água. Os investimentos somam mais de R$ 237 mil. A água será captada no poço perfurado em parceria entre o município e a Itaipu.

O prefeito Osmário destacou a importância do projeto da água para a comunidade do Gramadinho. O gerente Mário Hanaoka levou a mensagem do diretor de Investimentos, Joel de Jesus Macedo, dando ênfase ao trabalho da Sanepar para levar a água tratada às famílias que vivem na área rural dos municípios.

O Programa de Saneamento Rural da Sanepar tem sido referência para a Funasa. Técnicos da Fundação estiveram na semana passada em Curitiba para buscar subsídios para o programa Sustentar e visitaram comunidades rurais na Região Metropolitana de Curitiba e no Noroeste do Estado. Durante a visita, o diretor Joel explicou que com esse programa, a Sanepar cumpre sua responsabilidade social de levar água tratada para famílias de pequenas propriedades rurais. “Isso significa mais saúde e qualidade de vida para esses moradores.”

Na cerimônia de assinatura, participaram moradores da comunidade de Gramadinho, secretários e assessores do município e o técnico da Sanepar Emerson Marcelo Santos que irá acompanhar o desenvolvimento da obra.

Comentários desta notícia

Publicidade