REVISTA TAE - Obras da Sanesul revolucionam saneamento em Itaporã
Esta notícia já foi visualizada 249 vezes.



Obras da Sanesul revolucionam saneamento em Itaporã

Data:08/10/2019
Fonte: ACOM/SANESUL

A obra da ETE está em fase inicial e o sistema de tratamento será através de Reator UASB

Os moradores de Itaporã terão uma nova Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) com a capacidade de tratar até 20 litros de esgoto bruto por segundo.

Além disso, a Sanesul está executando 2.690 metros de rede coletora, 82 novas ligações domiciliares, 1.197 metros de emissário e uma estação elevatória, entre outras obras complementares deste grande projeto.

O valor do investimento em esgotamento sanitário é de R$ 4 milhões. Esse recurso é proveniente do Governo Federal, por meio da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) e do Governo do Estado, por meio da Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul).


Maior cobertura em esgotamento

O município também foi contemplado com mais R$ 11 milhões do programa ‘Avançar Cidades – Seleção Contínua’, viabilizados pela Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul) junto à Caixa.

Este investimento será para a execução de outros 35km de rede coletora e 2.073 ligações domiciliares de esgoto, além de estações elevatórias.  


Obras da ETE

A estação está em fase inicial e o sistema de tratamento será através de Reator UASB. Com a nova capacidade, a estação fica projetada para atender a crescente demanda do município nos próximos anos.

Com a finalização de todas essas obras, o município de aproximadamente 23 mil habitantes (IBGE), deverá modificar significativamente os seus bons índices de saneamento.


Foto: Acom


Obras da ETE em Itaporã




 

Comentários desta notícia

Publicidade