REVISTA TAE - Última etapa do Plano de Ação por Concórdia
Esta notícia já foi visualizada 210 vezes.



Última etapa do Plano de Ação por Concórdia

Data:21/01/2020
Fonte: CASAN

A CASAN está iniciando a última etapa do Plano de Ação por Concórdia, lançado em abril do ano passado. Com investimento de mais R$ 4 milhões, essa fase tem quatro obras fundamentais para as áreas Leste e Oeste do município, beneficiando cerca de 11 mil moradores de 6 bairros e 11 loteamentos.

Será assentada uma adutora de 2.700 metros de extensão, instalada uma Estação de Recalque de Água Tratada (ERAT), com capacidade de recalque de 205 mil litros por hora, e uma nova subestação de energia. Os trabalhos incluem ainda a perfuração de um novo poço para aumentar a captação de água.

Nesta segunda-feira foram realizados os primeiros trabalhos de perfuração do poço que vai reforçar o abastecimento aos bairros Frei Lency, São Cristóvão, São José, Posto 100 e Distrito Industrial.

A operação deve se prolongar durante toda a semana. Depois será feito um teste de vazão do poço, que informará a capacidade de produção de água, e em seguida será providenciada a instalação de equipamento de bombeamento e a interligação ao Reservatório R9.

 Nesta quarta-feira a Companhia inicia também a implantação da nova adutora de 300 milímetros de diâmetro, com frentes de trabalho na região da ETA no Bairro Floresta até o Portinari, onde haverá grande movimentação de máquinas pesadas, caminhões e operários.

“Pedimos toda a atenção dos motoristas, pois trata-se de uma grande obra prevista para se prolongar pelos próximos seis meses”, alerta o chefe da agência local, Helton Araújo Carneiro.

A Companhia solicita que os motoristas reduzam a velocidade ao se aproximarem das obras que vão passar pelas ruas Ivo Biezus, Getúlio Vargas, Antônio Michelon, Leonel Mosele, Antônio Merlo Filho, Ângelo Cuchi e Oreste Antônio Bigaton.

O Plano de Ação que está solucionando problemas históricos no abastecimento do município já contemplou o assentamento de redes de maior diâmetro, substituições de redes antigas, instalação de novos quadros elétricos e a implantação de bombas mais potentes.

O quadro de funcionários da Agência também foi ampliado e uma empresa terceirizada foi contratada, via licitação, para auxiliar nos serviços de implantação de novas redes e nas manutenções rotineiras.

A última fase do Plano de Ação por Concórdia:

NOVA ADUTORA DE ÁGUA TRATADA
As obras se iniciam nesta quarta-feira. A tubulação de 300 milímetros será implantada entre a nova Estação de Recalque de Água Tratada (ERAT) e o Morro do Merlo, totalizando quase três quilômetros de extensão. Em conjunto com a ERAT, a nova adutora terá capacidade de levar quase 5 milhões de litros diários para a Região Leste da cidade. 

ESTAÇÃO DE RECALQUE DE ÁGUA TRATADA (ERAT 1C)
Edificação com 42 m² que será executada junto à Estação de Tratamento de Água (ETA), no bairro Floresta. A previsão é de início das obras civis no dia 27 de janeiro. A unidade permitirá recalcar 205 mil litros/hora de água até o Morro do Merlo, abastecendo a Região Leste da cidade. Essa vazão representa quase 25% da atualmente produzida na ETA principal de Concórdia.

SUBESTAÇÃO DE ENERGIA
Também com previsão de início de obras no dia 27 de janeiro, a unidade vai suprir as necessidades de abastecimento de energia elétrica para a nova Estação de Recalque (ERAT). Capacidade de 300 KVA.

Comentários desta notícia

Publicidade