REVISTA TAE - SIMA assina protocolo de gerenciamento de resíduos sólidos com o CIOESTE
Esta notícia já foi visualizada 200 vezes.



SIMA assina protocolo de gerenciamento de resíduos sólidos com o CIOESTE

Data:18/02/2020
Fonte: www.infraestruturameioambiente.sp.gov.br

Plano de trabalho estabelece cooperação entre os municípios com apoio técnico do Estado
Nesta segunda-feira (17/2), a Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente (SIMA) e o Cioeste – Consórcio Intermunicipal da Região Oeste assinaram protocolo de Intenções para gestão e gerenciamento de resíduos sólidos nos dez municípios que compõem a entidade.

O plano de trabalho prevê o estabelecimento de condições de cooperação técnica entre os municípios de Araçariguama, Barueri, Carapicuíba, Cotia, Itapevi, Jandira, Osasco, Pirapora do Bom Jesus, Santana de Parnaíba e Vargem Grande Paulista para o desenvolvimento e execução conjunta de programas e projetos com foco em Resíduos Sólidos.

O documento foi assinado em reunião no gabinete da SIMA pelo subsecretário de Infraestrutura da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente do Estado de São Paulo, Glaucio Atorre Penna, representando o secretário Marcos Penido e pelo presidente do Cioeste e prefeito de Santana de Parnaíba, Elvis Cesar. Também rubricaram o documento os prefeitos Josué Ramos, de Vargem Grande e Gregório Maglio, de Pirapora, além de Francisco Maciel, secretário executivo do consórcio.

Com apoio do Estado, os municípios desenvolverão ações conjuntas, como a elaboração de material técnico, diagnósticos e programas de capacitação para disseminar conhecimento e promover a educação ambiental, além da implantação de ferramentas de planejamento e gestão em soluções regionalizadas, com arranjos produtivos diferenciados.

Ao início da reunião, o coordenador do Comitê de Integração de Resíduos Sólidos (CIRS), José Valverde ressaltou a importância estratégica deste acordo de cooperação, que facilita um plano regional e a otimização de recursos.

“Em 2019, fizemos um trabalho de estruturar ferramentas para o correto tratamento dos Resíduos Sólidos Urbanos e a organização regional e o consorciamento possibilitam colocar essas ações em prática”, salientou.

Neste sentido, o subsecretário Glaucio Penna pontuou que os consórcios facilitam a personalização da atuação da pasta em cada região do Estado.

“Estamos quebrando paradigmas na questão dos aterros e da gestão dos resíduos e é uma grata surpresa a participação maciça dos municípios com essa regionalização.” Ele também comentou que a SIMA têm assinado termos de cooperação com as universidades, visando a pesquisa e o desenvolvimento tecnológico na construção de soluções.

Ao final do encontro, o prefeito Elvis Cesar elencou iniciativas que já estão em prática em seu município. “Fazemos calçadas e asfalto de resíduos da construção civil reciclados. Nossa cooperativa de coleta seletiva é modelo em todo o estado, gerando hoje 85 empregos diretos. Com o consórcio iremos triar resíduos e expandir ainda mais essas ações. Queremos ser um polo de inovação e tecnologia”, declarou o presidente do Cioeste.

Comentários desta notícia

Publicidade